A Progress anunciou a liberação de dois novos drivers para a sua suíte corporativa de conectividade de dados DataDirect®. Os novos drivers para MongoDB e SparkSQL serão acrescentados a um já robusto portfólio de drivers para permitir uma melhor integração e suporte de mais de 200 fontes de dados populares.

"O MongoDB é um dos bancos de dados mais utilizados atualmente, mas oferece desafios únicos, ao acessar os dados armazenados dentro de diferentes ferramentas de BI e integração. Temos trabalhado de perto com a comunidade Mongo e nossos parceiros OEM e  corporativos para construir os melhores drivers para Mongo e SparkSQL, com o mais alto desempenho e riqueza de recursos disponíveis", afirma Michael Benedict, Presidente da Unidade de Negócios de Conectividade e Integração de Dados da Progress.

"Ao fornecer acesso SQL para MongoDB e SparkSQL, os drivers DataDirect permitem que as empresas, ISVs e parceiros OEM possam se conectar facilmente ao universo Mongo e SparkSQL com seus conjuntos de ferramentas existentes através de padrões  já  suportados atualmente."

De acordo com Matthew Gharegozlou, Vice-Presidente da Progress para a América Latina e Caribe, "ao reforçar os níveis de compatibilidade do DataDirect, a Progress mostra o seu compromisso com o desenvolvimento de um ambiente de dados cada vez mais agnóstico e adequado ao mundo das aplicações em nuvem e de big data.  

Com os dois novos drivers, arquitetos de TI corporativos podem construir aplicações e se conectar usando os padrões ODBC, JDBC, ADO.Net e interfaces OData empregando consultas SQL padrão. Os drivers coletam os dados em MongoDB e SparkSQL e os apresenta como dados relacionais, permitindo que qualquer aplicação os leia facilmente como se fossem dados relacionais por natureza. Os novos drivers também oferecem maior desempenho, preveem uma melhor utilização de memória para conjuntos de dados maiores e permitem uma experiência de usuário mais intuitiva do que as ofertas da concorrência. Os novos recursos são também apoiados por suporte e serviços globais da Progress.

Além disso, os novos drivers DataDirect:
• Fornecem visualizações relacionais naturais para aplicações baseadas em SQL
• Otimizam o desempenho para qualquer aplicação, sem comprometer a funcionalidade
• Permitem aos usuários consultar, escolher e / ou agregar todos os dados armazenados em matrizes via SQL
• Padronizam dados MongoDB não esquemáticos em uma visão relacional
• Maximizam o desempenho MongoDB via a otimização de relações por tabela

Além do MongoDB e SparkSQL, a Progress oferece os drivers DataDirect para uma variedade de fontes de dados, incluindo fontes de big data, como Cassandra, Impala, SAP HANA, e Apache Hive, assim como distribuições comerciais da Hive da Amazônia, Cloudera, Hortonworks, MapR e Pivotal.

Tudo isto em cima dos incomparáveis adaptadores relacionais de aplicação SaaS DataDirect que incluem: Salesforce Lightining Connect, SalesForce.com, Database.com, Force.com, Hubspot, Marketo, Eloqua, a Oracle Service Cloud, ServiceMax, Oracle, Microsoft SQL Server, MySQL, Progress® OpenEdge®, Progress® Rollbase® e muito mais.

Leia mais

Progress lança nova versão de plataforma de marketing digital

Progress tem bom primeiro semestre em 2015

Progress aponta Jerry Rulli como COO